Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

#GP2 - Dobradinha brasileira e Hülkenberg campeão

Postado por Thiago Raposo domingo, 13 de setembro de 2009

Campinas - O alemão Nico Hülkenberg é o novo campeão da GP2. Com a terceira posição na segunda prova na Itália, o piloto marcou os pontos necessários para não ser mais alcançado no campeonato e desta forma faturou o título. Na frente dele, Luiz Razia e Lucas di Grassi garantiram uma dobradinha para o Brasil.

O brasileiro Luiz Razia, que largou na pole devido a uma punição sofrida pelo português Álvaro Parente na primeira prova, saiu muito bem e manteve a posição. Melhor que ele saiu Lucas di Grassi, que partiu da quarta posição e pulou para segundo. Daí o safety car entrou na pista devido a um acidente entre Dani Clos e o brasileiro Diego Nunes. O carro do espanhol se encontrava capotado.

O mexicano Sérgio Perez, com problemas no carro, abandonou a prova ainda com o carro de segurança na pista. A prova reiniciou na quarta volta e Razia manteve a ponta seguido de Di Grassi, Hülkenberg e Petrov.

Na sexta volta o português Álvaro Parente rodou na primeira chicane e foi obrigado a abandonar a prova. O piloto Ricardo Teixeira, queimou a largada e na nona volta foi avisado de que precisaria pagar uma punição.

Enquanto o pelotão da frente se mantinha na mesma, no pelotão intermediário algumas brigas, seguidas de ultrapassagens, aconteciam. Villa versus Valério e Herck, Valsecchi versus Maldonado e Ceccoto dentre outras.

Na 14ª volta o russo Vitaly Petrov, que ocupava a quarta posição, deu uma escapada da pista e perdeu a posição para o belga Jérome D´Ambrosio. Desta forma, ele permitia que o alemão Nico Hülkenberg, o terceiro colocado da prova, conseguisse a pontuação necessário para sair como campeão da prova.

A três voltas para o fim, o japonês Kamui Kobayashi abandonou a prova com problemas no carro. O venezuelano Johnny Cecotto também parou com problemas no carro. Na última volta, o outro venezuelano, Pastor Maldonado saiu da pista e bateu forte, abandonando a prova.

No fim, dobradinha brasileira com Luiz Razia na frente e Lucas di Grassi na segunda posição. Em terceiro o alemão Nico Hülkenberg, que com a posição conquistou o título da categoria com 1 etapa de antecedência.

Confira abaixo o resultado final da prova:
1.  Luiz Razia           Coloni              35m12.921s
2. Lucas di Grassi Racing Engineering + 2.576
3. Nico Hulkenberg ART + 4.955
4. Jerome D'Ambrosio DAMS + 7.374
5. Vitaly Petrov Addax + 7.92
6. Giedo van der Garde iSport + 8.687
7. Roldan Rodriguez Piquet + 9.133
8. Davide Rigon Trident + 13.395
9. Davide Valsecchi Addax + 24.809
10. Javier Villa Super Nova + 25.492
11. Alberto Valerio Piquet + 26.254
12. Karun Chandhok Ocean + 33.526
13. Michael Herck DPR + 35.32
14. Ricardo Teixeira Trident + 59.6

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters