Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

F1 - Vettel, enfim, vence em 2010

Postado por Thiago Raposo domingo, 4 de abril de 2010

Campinas - E o Domingo de Páscoa começou com muita velocidade, com a disputa da terceira etapa da temporada 2010 da Fórmula 1. O que se viu foi um passeio dos carros da Red Bull, que dominaram toda a prova e conquistaram uma dobradinha, com Vettel em primeiro e Webber em segundo. O fato curioso é que foi apenas a sétima vitória da história da equipe na categoria, mas a quinta dobradinha, o que mostra que são especialista em chegarem juntos no fim da prova.

O alemão Sebastian Vettel, que largou na terceira posição, superou de cara Mark Webber e Nico Rosberg, que largaram a frente, para assumir a liderança. Daí para frente ele imprimiu um ritmo forte, não tendo a primeira posição em nenhum momento ameaçada e venceu a corrida. O mesmo aconteceu com Webber e Rosberg, que levaram o carro até o fim em segundo e terceiro, fechando o pódio da prova.

Mas o destaque mesmo ficou para os pilotos da McLaren e Ferrari, que devido aos problemas na qualificação, largaram lá de trás. A grande estrela foi o inglês Lewis Hamilton, que escalou o pelotão com muito arrojo e velocidade e depois de sair da vigésima posição, já era o 6º colocado na 13ª volta. Felipe Massa e Fernando Alonso não foram tão eficientes assim. Os dois foram caminhando juntos, com o brasileiro a frente do espanhol, e na mesma 13ª volta estavam em 11º e 12º respectivamente.

Jenson Button resolveu usar uma estratégia diferente dos três rivais e antecipou a parada nos boxes, fazendo o trabalho na nona volta. Desta forma evitou andar atrás de tráfego e pegou pista limpa pela frente. Depois que todos pararam, ele voltou a frente da dupla da Ferrari, mas com os pneus mais gastos, teve dificuldade em manter a posição. Depois de muito insistir, Felipe Massa fez a ultrapassagem na volta 44. Foi a vez então de Fernando Alonso tentar, mas quando ele fez a manobra, o motor da Ferrari se entregou e ele teve que abandonar a prova.

Outros destaques da prova foram: Michael Schumacher, que ocupava a sexta posição, mas que teve que abandonar na volta 9 com problemas no carro; o espanhol Jaime Alguersuari, que terminou na zona de pontuação e com isto se tornou o segundo piloto mais jovem da história a marcar pontos (o primeiro foi Vettel nos USA em 2007); os brasileiros Lucas di Grassi e Bruno Senna, que mesmo com várias voltas atrás do líder, terminaram a primeira prova na Fórmula 1.

Confira abaixo o resultado final da prova e para conferir a classificação do campeonato, clique aqui:
1 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 56 1:33:48.412
2 6 Mark Webber RBR-Renault 56 +4.8 secs
3 4 Nico Rosberg Mercedes GP 56 +13.5 secs
4 11 Robert Kubica Renault 56 +18.5 secs
5 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 56 +21.0 secs
6 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 56 +23.4 secs
7 7 Felipe Massa Ferrari 56 +27.0 secs
8 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 56 +37.9 secs
9 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 56 +70.6 secs
10 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 56 +73.3 secs
11 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 56 +78.9 secs
12 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 55 +1 Lap
13 8 Fernando Alonso Ferrari 54 +2 Laps
14 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 53 +3 Laps
15 20 Karun Chandhok HRT-Cosworth 53 +3 Laps
16 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 52 +4 Laps
17 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 51 +5 Laps
Ret 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 46 Hydraulics
Ret 12 Vitaly Petrov Renault 32 Gearbox
Ret 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 12 Throttle
Ret 3 Michael Schumacher Mercedes GP 9 Wheel issue
Ret 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 8 Engine
Ret 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 2 Spin
DNS 22 Pedro de la Rosa BMW Sauber-Ferrari 0 Engine

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters