Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

F1: Lewis Hamilton está vivo no campeonato

Postado por Thiago Raposo domingo, 30 de maio de 2010

Campinas - O inglês Lewis Hamilton (McLaren) foi o vencedor do Grande Prêmio da Turquia de Fórmula 1. Após largar na segunda posição e ser superado pelo alemão Sebastien Vettel (Red Bull), ele retomou a posição ainda na primeira volta. Daí para frente ele foi para cima do australiano Mark Webber (Red Bull), que liderava a prova. Sem conseguir a ultrapassagem, a McLaren tentou dar a posição para Hamilton nos pits, mas saiu tudo ao contrário: em vez de trabalhar bem, a equipe se atrapalhou e ele perdeu a posição para Vettel.

Daí para frente, o que se viu foi um trenzinho entre os dois pilotos da Red Bull e da McLaren. Hora Hamilton pressionava Vettel, hora Vettel ia pra cima de Webber e em outras horas Jenson Button (McLaren) fazia voltas rápidas atrás de voltas rápidas. Até que no giro 39 Vettel foi com tudo para cima de Webber e os dois ficaram lado a lado. Vettel tentou se posicionar para fazer a tomada da curva, mas Webber não deu espaço e os dois acabaram se chocando. Webber danificou o bico e perdeu as duas primeiras posições para Hamilton e Button e Vettel acabou abandonando para desespero da Red Bull.

A prova parecia definida entre os três primeiros até que outra briga entre companheiros de equipe esquentou o clima: Button foi para cima de Hamilton e os dois também ficaram lado a lado. Button fez a ultrapassagem, mas ficou do lado ruim da pista para fazer a tomada para a reta de chegada. Hamilton se aproveitou da situação e entrou mais forte na reta. Ele ficou novamente lado a lado com o companheiro de equipe, efetuando a ultrapassagem na curva. A McLaren, desesperada com o nível de combustível dos dois carros, pediu para que ambos reduzissem o ritmo e a briga se encerrou. Webber voltou em terceiro após a troca do bico e terminou na posição.

Na outra Fórmula 1, dos outros pilotos, pouca coisa aconteceu. Michael Schumacher (Mercedes), ultrapassou Button na largada, mas tomou o troco na volta seguinte e permaneceu em quinto durante toda a prova até que Vettel abandonou e ele herdou a quarta colocação. Atrás dele, Nico Rosberg (Mercedes), Robert Kubica (Renault), Felipe Massa (Ferrari), Vitaly Petrov (Renault) e Fernando Alonso (Ferrari) passaram a prova inteira juntos, mas sem nenhum ataque. Até que nas últimas voltas Alonso foi com tudo para cima de Petrov e efetuou a ultrapassagem. Os dois acabaram se tocando e o russo levou a pior, com um pneu furado, o que o fez perder várias posições.

O brasileiro Bruno Senna (Hispânia) fazia uma bela prova, na frente do companheiro, o indiano Karun Chandhok, e das duas Virgin de Timo Glock e Lucas di Grassi, mas a poucas voltas para o fim teve um problema de queda da pressão de combustível e teve que abandonar. Lucas di Grassi, apesar do novo carro, teve muito problemas: largou dos boxes e se arrastou por toda a prova, terminando na última posição dos que terminaram a corrida na pista. Rubens Barrichello (Williams), que largou na 15ª posição, teve uma prova muito difícil, sofrendo com a falta de potência no motor e terminou em 14º. Felipe Massa terminou mesmo em sétimo, atrás do trenzinho.

Alguns outros destaques da prova: o espanhol Jaime Alguersuari (Toro Rosso) que a poucas voltas para o fim fez a volta mais rápida da prova. Mesmo sendo superado depois por Mark Webber, foi um feito para o piloto que terminou em 12º. Petrov, que depois do toque com Alonso parou e trocou os pneus, voltou para a pista e fez a volta mais rápida da prova. Kamui Kobayashi, que terminou em décimo, deu os primeiros pontos da Sauber nesta volta a categoria.

A próxima prova da categoria será disputada no dia 13 de Junho no Canadá. Confira abaixo o resultado final da prova:

1 2 Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 58 1:28:47.620
2 1 Jenson Button McLaren-Mercedes 58 +2.6 secs
3 6 Mark Webber RBR-Renault 58 +24.2 secs
4 3 Michael Schumacher Mercedes GP 58 +31.1 secs
5 4 Nico Rosberg Mercedes GP 58 +32.2 secs
6 11 Robert Kubica Renault 58 +32.8 secs
7 7 Felipe Massa Ferrari 58 +36.6 secs
8 8 Fernando Alonso Ferrari 58 +46.5 secs
9 14 Adrian Sutil Force India-Mercedes 58 +49.0 secs
10 23 Kamui Kobayashi BMW Sauber-Ferrari 58 +65.6 secs
11 22 Pedro de la Rosa BMW Sauber-Ferrari 58 +65.9 secs
12 17 Jaime Alguersuari STR-Ferrari 58 +67.8 secs
13 15 Vitantonio Liuzzi Force India-Mercedes 57 +1 Lap
14 9 Rubens Barrichello Williams-Cosworth 57 +1 Lap
15 12 Vitaly Petrov Renault 57 +1 Lap
16 16 Sebastien Buemi STR-Ferrari 57 +1 Lap
17 10 Nico Hulkenberg Williams-Cosworth 57 +1 Lap
18 24 Timo Glock Virgin-Cosworth 55 +3 Laps
19 25 Lucas di Grassi Virgin-Cosworth 55 +3 Laps
20 20 Karun Chandhok HRT-Cosworth 52 +6 Laps
Ret 21 Bruno Senna HRT-Cosworth 46 +12 Laps
Ret 5 Sebastian Vettel RBR-Renault 39 Accident
Ret 19 Heikki Kovalainen Lotus-Cosworth 33 Hydraulics
Ret 18 Jarno Trulli Lotus-Cosworth 32 Hydraulics

2 comentários

  1. Uma corrida marcada para ser chata acabou sendo uma corridaça! Pena que, no próximo ano talvez não tenhamos mais esta pista no calendário.

    O incidente da Redbull causou-me sentimentos opostos pois, ao mesmo tempo que achei uma estupidez de Vettel e também de Webber por não ceder, por outro lado acho que a formula 1 tem de ser assim mesmo, na raça, igual ao que Hamilton e Button fizeram logo em seguida e, até o que Alonso fez com Petrov.

    No geral, gostei da evolução do piloto Russo e do Japonês que, ao meu ver, daria um belo espetáculo em um carro competitivo.

    Já os Brasileiros, foram a costumeira decepção.

    No mais, estou adorando o espaço capitaneado pela babi, onde podemos, durante a corrida trocar idéias como se estivéssemos em uma roda de amigos.

    Obrigado a você, Thiago por este espetacular blog que, me perdoe, nunca acompanhei com a merecida atenção, assim como o podcast que passarei a seguir de agora em diante, em suma, nunca é tarde, né? =)

     
  2. Olá Reinaldo - obrigado pelas palavras...
    Como torcedor concordo com vc, melhor ver companheiros brigando na pista, mas pensando como equipe, é uma estupidez..

    O Ao Vivo da Bárbara é mesmo fantástico, continue participando!

    Abraços!

     

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters