Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

F1 - Algumas palavras sobre a Austrália

Postado por Thiago Raposo domingo, 27 de março de 2011

Campinas - E vamos falar um pouco do Grande Prêmio da Austrália, primeiro da temporada 2011, que aconteceu neste Domingo (27) no Albert Park. O resultado não foi mistério para ninguém, mas existem muitas coisas além da vitória do alemão Sebastian Vettel (Red Bull) para serem debatidas.

A Red Bull se tornou mesmo uma potência na categoria e este início de temporada mostra que o título do ano passado não vai ser algo isolado na história do time. Além de não utilizarem o Kers, sistema que dá ao carro potência extra por um período de tempo, e de ter um carro bem nascido aerodinamicamente, eles também são bastante eficientes. As duas melhores paradas de boxe foram da equipe: Webber na volta 26, que perdeu ao todo 22,2s e a de Vettel na volta 14 com 22,6s (esta empatada com a de Button na volta 37).

Se continuar assim, vai acabar derrubando por terra a idéia de Bernie Ecclestone de que pneus menos resistentes dariam mais emoção a prova. Pois, seriam exatamente nas paradas que as equipes mais fracas teriam a oportunidade de tentar dar o bote neles, mas sendo os mais rápidos, eles vão é conseguir abrir ainda mais distância para rivais. Mas é preciso admitir que se não influiu muito lá na frente, os pneus da Pirelli foram o que mais surtiram efeito das novidades para 2011. As Ferraris pararam três vezes cada; as McLarens apenas duas e o mexicano Sérgio Perez apenas uma.

A tal asa móvel não serviu muito para a Austrália, mas ainda existe a esperança que em circuitos com características diferentes ela pode sim ser fator. A disputa entre Jenson Button (McLaren) e Felipe Massa (Ferrari) foi que deixou isto claro. Mas se bem que, no fim da prova os dois voltaram a se encontrar e o inglês passou com muita facilidade usando o mesmo artefato, então acho prudente dar mais chances a asa antes de afirmar que ela não serve de nada.

Não que me interesse muito, mas sei que muitos que frequentam este espaço ligam, então vamos falar dos dois brasileiros. Felipe Massa foi medíocre! Perdeu a posição para Fernando Alonso na pista e depois viu o rival disparar na frente. E agora, qual a desculpa? Ele disse que foi o desgaste excessivo dos pneus, mas porque o do Alonso não se desgastou tanto assim? O espanhol terminou 53,4s a frente do brasileiro. Já Barrichello, apesar de estabanado, pareceu sincero na explicação no incidente com o Rosberg. Tentou defender do carro de trás, o carro escorregou e ele acertou o alemão. Não deixa de ter sido um péssimo começo, mas no caso dele existe uma perspectiva de que na próxima pode ser melhor, ao contrário do Massa.

Discutiremos mais sobre a prova no podcast desta semana, mas deixo o espaço aberto para debatemos aqui todos os momentos desta corrida. Ainda vou fazer um post a parte sobre o Schumacher, porque preciso defender ele né! Vejam abaixo os tempos nos pits na ordem dos mais lentos para os mais rápidos (estão listados apenas os que consegui pegar durante a prova):

Piloto
Volta
Tempo
Barrichello Pit 24 37.8
Alguersuari Pit 17 26.8
D'Ambrosio Pit 41 26.4
Alguersuari Pit 35 26.3
Barrichello Pit 41 26.3
Webber Pit 41 26.2
Sutil Pit 16 25.9
Petrov Pit 35 25.6
Buemi Pit 15 25.3
D'Ambrosio Pit 14 25.2
Heidfeld Pit 31 25.0
Schumacher Pit 18 25.0
Di Resta Pit 14 24.8
Kovalainen Pit 17 24.8
Trulli Pit 16 24.8
Trulli Pit 38 24.8
Alonso Pit 27 24.7
Massa Pit 31 24.5
Petrov Pit 16 24.5
Di Resta Pit 36 24.3
Alonso Pit 42 24.1
Kobayashi Pit 32 24.1
Kobayashi Pit 16 24.0
Massa Pit 48 24.0
Vettel Pit 35 24.0
Massa Pit 13 23.8
Sutil Pit 37 23.8
Glock Pit 18 23.7
Glock Pit 21 23.7
Rosberg Pit 16 23.7
Barrichello Pit 13 23.6
Perez Pit 24 23.4
Webber Pit 11 23.4
Button Pit 19 23.3
Alonso Pit 12 23.2
Hamilton Pit 16 23.2
Buemi Pit 29 23.1
Hamilton Pit 35 23.1
Heidfeld Pit 15 22.9
Button Pit 37 22.6
Vettel Pit 14 22.6
Webber Pit 26 22.2

2 comentários

  1. GiglioF1 Says:
  2. Thiago,

    Incrível a RBR!!!.... até parados eles são rapidos!!!!!!!!
    Abraço!

     
  3. Então, vendo e revendo o lance, acho que Barrichello tentou a manobra, ou pelo menos "assustar" o Rosberg.

    No mais, impressionou a diferença da Red Bull para as demais.

    Abraço!

     

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters