Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

24 Horas de Le Mans - Boletim da vigésima-quarta hora (LMP1)

Postado por Thiago Raposo domingo, 12 de junho de 2011

Campinas - Fim das 24 horas de Le Mans edição 2011. E a Audi, que chegou neste ano como a grande favorita, confirmou esta condição na pista. Mas não foi nada fácil e por outro lado, foi até bem dramático. Na verdade a briga estava entre três Audis contra três Peugeots, com algumas outras equipe correndo por fora. Logo na primeira hora o primeiro Audi foi embora depois do espetácular acidente de Allan McNish. Depois, por volta da oitava hora, foi se embora outro Audi com uma batida tão espetácular quanto a primeira com Mike Rockenfeller. A montadora se viu então em desvantagem, pois apesar de ter o melhor carro, estava sozinha para lutar contra três carros dos rivais.

Para o conforto da Audi, apesar dos três carros da Peugeot estarem na pista, um deles (número 8), teve problemas logo na segunda hora e teve que parar nos pits para reparos e acabou perdendo volta com relação aos líderes. Apesar de ser mais veloz, algumas bandeiras amarelas do meio para o fim da prova anulou toda a vantagem que a equipe das argolas tinha para a dos leões. A situação ficou mais crítica mais ou menos na décima oitava hora, quando os Peugeots fizeram sanduíche do carro da Audi. Na frente estava o 9, com o Audi no meio, e o 8 em terceiro. Foram 20 minutos de muita pressão, mas numa bobeira do 9, ele o superou e pulou para ponta.

Daí, a sorte resolveu sorrir também para eles e o carro 8 sofreu uma penalidade de 1 minuto, pois durante o pitstop, um dos mecânicos não estava vestido com todos os equipamentos de segurança exigidos. Foi o suficiente para tirá-lo também da briga pela vitória, deixando a parada apenas entre eles e o carro 9 da Peugeot. Começou-se então uma guerra de estratégias: o Audi andava mais forte, mas poupava menos e os Peugeots viviam uma situação exatamente ao contrário. Como tensão pouca é besteira, começou a pingar gostas de chuvas na pista, deixando-a escorregadia e qualquer erro poderia ser fatal. Entraram na última volta e como não aconteceu nenhuma bandeira amarela, a janela de paradas dos leões não foi suficiente para poupá-los de uma última parada e com isto a Audi conquistou a vitória na edição 2001 com os pilotos Marcel Fässler, André Lotterer e Benoit Treluyer.

Um dos momentos emocionantes da prova foi quando o Pescarolo Judd 16 dos pilotos Emmanuel Collard, Christophe Tinseau e Julien Jousse bateu nas últimas horas e perdeu a bela quinta colocação. No boxe, a equipe que já estava esgotada pela maratona, e ninguém conseguiu se segurar e todos caíram no choro. Sorte do Oreca Matmut 10, que também teve diversos problemas na prova, mas se recuperou e terminou na quinta colocação. AS duas decepções foram os Aston Martin 007 e 009, que não sobreviveram nem a primeira hora da prova. Confira abaixo o resultado final da categoria:

Clique na imagem para ver maior!

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters