Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

F1 - Yin Yang

Postado por Thiago Raposo domingo, 10 de julho de 2011


Dá para falar de várias coisas na movimentada prova da Fórmula 1 desta manhã de Domingo, mas quero focar em um detalhe. Faltando cinco voltas para o fim da prova, a Red Bull, sabendo que Sebastian Vettel já não estava com os pneus nos melhores estados e vendo Mark Webber se aproximando, ordenou ao australiano que mantivesse a distância entre os dois e não partisse para briga.

Mark Webber simplesmente ignorou a ordem dada pela equipe e acelerou ainda mais, partindo para a briga. Na penúltima volta colocou-se ao lado do alemão na reta da antiga largada e tentou a ultrapassagem. No fim, terminou mesmo em terceiro, mas nas entrevistas após a prova, disse que não se considera o segundo piloto, que se Alonso abandonasse no fim a briga valeria a vitória e que por isto foi para cima, pois queria marcar o maior número de pontos possíveis.

Tem que se aplaudir de pé a atitude de Webber, que colocou o próprio futuro na escuderia em cheque ao desrespeitar solenemente a ordem e partir para cima do líder do campeonato e queridinho do time. "Obviamente eu ignorei o time porque queria tentar a posição. Eu não estava partindo para bater em ninguém". Infelizmente, ele não conseguiu a ultrapassagem, pois seria uma vitória do esporte contra o sistema. Resta esperar para ver como a atitude de Webber será tratada pela Red Bull, mas pelo bem do esporte, que não haja retaliação ao piloto australiano.Atitude condenável de Mark Webber e merecia uma punição a altura da Red Bull, pois não saber trabalhar em equipe. Obviamente, pelo andar do campeonato, Vettel é o primeiro piloto da equipe e com as mudanças das regras proibindo o escapamento térmico, a equipe não pode se dar ao luxo de dividir pontos entre os pilotos. Jogo de equipe existe na F1 e cabe ao piloto respeitar ou retirar-se. Resta esperar para ver como a atitude de Webber será tratada pela Red Bull, mas pelo bem do time, a não renovação com alguém que não trabalha pelo time seria o certo.

3 comentários

  1. Stunts Says:
  2. Aplaudo a atitude do Webber... Ainda mais porque a Red Bull, tempos atrás, condenou tanto o jogo de equipe... Não tem lógica agora ela fazer isso... Mesmo quando foi aprovado o jogo, eles diziam que eram contra, então agora resolveram usar?
    Webber foi um Red Bull "de raiz". Parabéns para ele, de verdade...

     
  3. Nem um, nem outro. O clima na Red Bull entre os dois já não é bom e Webber ignora o mandado da equipe. Só mostra que a equipe quis jogar pro Vettel e o Webber quis partir pro combate. Não fico nem de um lado e nem do outro!

     
  4. Aline Says:
  5. Bonito post, Thiago! E só para jogar mais um ponto de vista eu diria que faz parte do jogo de equipe da RedBull dizer que não há jogo de equipe ou que ele é solenemente desreipeitado. Eu fico com os dois lados, pelo equilíbrio do universo.

     

Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters