Subscribe to web2feel.com
Subscribe to web2feel.com

F1 - A segunda corrida foi melhor que a primeira

Postado por Thiago Raposo domingo, 11 de setembro de 2011



Campinas - As corridas de hoje em Monza, creio eu, vão ficar por muito tempo na lembrança dos admiradores da categoria. Ambas, aos seus modos, tiveram pontos positivos e que permitem concluir ao fim que vimos um grande espetáculo.

A primeira foi a de Sebastian Vettel e só ele com sua Red Bull. No meio da temporada houve uma grande discussão com relação aos escapamentos térmicos, ou difusores soprados, usados por algumas equipes e que dava a Red Bull a grande vantagem no campeonato. Chegou a ser proibido o uso, mas depois de um acordo entre as equipes, voltou a ser liberado. Os sistema dá ao carro muita velocidade em curvas, onde eles levam grande vantagem. Mas, Monza é um circuito de retas e era esperado que tivessem grandes dificuldades. Besteira! Sebastian Vettel foi supremo no fim de semana. Largou na pole, mas tracionou mal e foi superado. A prova foi interrompida com um safety car depois de um incidente na segunda corrida e assim que relargou ele assumiu a ponta e fez novamente uma grande apresentação, se aproximando muito do título da temporada.

Já a segunda corrida foi marcada por muitas disputas, acidentes e abandonos. Logo de cara, Vitantonio Liuzzi provocou um strike na primeira curva e levou junto Nico Rosberg e Vitaly Petrov. Rubens Barrichello também foi envolvido na confusão, mas conseguiu retornar a prova. Na relargada, outra confusão entre Mark Webber e Felipe Massa. O australiano tocou no brasileiro que rodou e como o Rubinho continuou. Já para o piloto da Red Bul a história não foi a mesma e ele acabou abandonando. O que se viu daí para frente foi um show protagonizado por dois dos pilotos que mais admiro na categoria: Michael Schumacher e Lewis Hamilton travaram uma boa briga que comeu quase meia prova. Obviamente, o inglês tinha algum problema no carro que acabou por equalizar com o do alemão e foram várias tentativas.

Jenson Button, que não tinha os mesmos problemas que o Hamilton, chegou nos dois e logo os deixaram para trás. Só deixando claro que não necessariamente os problemas de Hamilton eram mecânicos, podiam ser apenas problemas de acerto de carro, pois a diferença do carro dele e do Button era enorme. Button lá na frente também foi para cima de Fernando Alonso e depois de outra briga emocionante, conseguiu a posição e venceu a segunda corrida da prova. Dois destaques precisam ser levantados: o espanhol Jaime Alguersuari, que no sábado ficou pelo Q1, fez uma grande prova de Toro Rosso e terminou em sétimo. Bruno Senna, que será tratado num post em especial, marcou os primeiros pontos na categoria neste retorno a Fórmula 1. Entre os outros brasileiros, Felipe Massa conseguiu uma boa reação depois do toque com Webber e terminou em sexto e Barrichello teve uma prova sofrida e terminou logo atrás do companheiro de equipe, na 12ª colocação.

Confira abaixo o resultado final da prova:


Calendário

Videoteca

Twitter


Postagens populares

Newsletters